Artigo
Categorias

O período da Black Friday é conhecido por ser caótico quando pensamos em dados. São volumes de dados muito maiores do que em datas comuns, e isso pode assustar um pouco.

Mas nada que um bom planejamento em equipe não resolva. Neste artigo vamos dar algumas dicas importantes de como a área de BI pode te auxiliar nesta data.

Se atente aos dados e prepare um dashboard para a Black Friday

Antes de qualquer coisa, é primordial que você faça um levantamento de dados históricos do seu usuário. Isso ajudará, e muito, a sua equipe de planejamento e mídia a construir as ações de Black Friday baseado em dados reais.

Esse levantamento pode ser feito pelo google analytics, onde conseguimos identificar todas as interações do usuário em nosso site, desde o momento em que ele entra até o momento em que ele sai.

Você também pode fazer uma análise pelo google trends para entender como o seu usuário se comportou no último mês, por exemplo.

Analisar quais as suas principais buscas, e a partir disso verificar se há estoque suficiente para este produto no dia da Black. Como anda as visualizações de página para essa busca dentro do seu site e também como estão as vendas para este produto em específico.

Todas essas pesquisas e análises irão te ajudar a definir as métricas que precisam ser observadas no dia da Black. Dessa forma, você conseguirá construir um dashboard certo para o seu negócio.

E para a construção deste dashboard, é importante identificar qual a ferramenta que será usada, lembrando de entender as suas limitações e escolher a que se encaixa melhor para as suas estratégias.

Dica: criar um wireframe que contemple todos os KPIs, gráficos e tabelas que você precisa, te ajuda bastante na visualização do que terá dentro do dashboard.

Se você tiver tempo, analise os seus concorrentes e entenda como eles estão posicionados no mercado, isso pode ajudar a ter insights para as suas estratégias de planejamento e mídia.

Quer mais conteúdos como esse? Inscreva-se na Jornada Black Friday 2020

Como analisar os dados no dia da Black Friday?

Mais do que apenas ler os dados de performance, é importante que você compreenda como ele está se apresentando naquele momento, e a partir disso, tomar uma decisão assertiva do que fazer em tempo real.

Por exemplo: Uma certa categoria está vendendo bastante, porém o estoque é pequeno, o que fazer? Vai pausar a campanha? Analisar se é possível aumentar o estoque? Mudar a estratégia de mídia?

Não se esqueça que o volume de dados na Black Friday é muito grande, isso pode causar um gap nas atualizações dentro da ferramenta. Ou seja, esteja sempre atento a base do dashboard para garantir que a atualização dos dados esteja sendo feita da forma correta.

Não se esqueça de monitorar os seus concorrentes também em tempo real. Por meio do google trends você conseguirá entender a posição deles em determinadas buscas, e assim acionar a equipe de mídia para traçar uma nova rota nessas campanhas específicas.

O que você aprendeu?

O trabalho pós Black Friday precisa ser realizado em equipe. Una todos os times para entender se as ações adotadas tiveram sucesso ou não.

• Verifique os resultados por dia, por hora e por canal, analisando o projetado x realizado;
• Realize um entendimento técnico e estratégico do que deu certo e do que não deu certo, porque funcionou e porque não funcionou;
• Construa uma linha de aprendizados e novas práticas que deram certo e devem ser adotadas em outras datas sazonais;
• Entenda qual foi o impacto dos resultados em um todo, o que realmente moveu ponteiro para o seu negócio.

Quer mais conteúdos como esse? Inscreva-se na Jornada Black Friday 2020

Artigos Relacionados
E-commerce O impacto do coronavírus no e-commerce

O Covid-19 é uma doença infecciosa causada pelo mais recente vírus da família Coronavírus descoberto. O surto teve início na China e se espalhou para outros 159 países, tornando-se uma pandemia declarada pela Organização Mundial da Saúde. Com o crescente número de infectados no Brasil, a população recebeu a orientação de realizar quarentena por tempo indeterminado para conter a transmissão em massa do vírus. Neste cenário, empresas e pessoas precisaram adaptar sua rotina e sua forma de consumo. Nesta página, vamos atualizar constantemente com dados e notícias do setor para que marcas e e-commerces possam se manter bem informados e mantendo a saúde de seus negócios.

Jonas Risovas Driven.CX 24 março 2020